Yangon, Mianmar

Hoje, oficialmente, 5% da população de Rangum é muçulmana, cerca de 350.000 pessoas.

Yangon, Mianmar

Hoje, oficialmente, 5% da população de Rangum é muçulmana, cerca de 350.000 pessoas.

30 Dias em Áudio
DIA 14
26 DE ABRIL

Os turistas que visitam a antiga capital de Myanmar, Yangon, ficam muitas vezes impressionados com a visão dos templos budistas dourados e os milhares de monges vestidos em túnicas vermelhas. São poucos os visitantes que notam as muitas mesquitas que atestam uma longa e rica história de muçulmanos em Rangum. Hoje, oficialmente, 5% da população de Rangum é muçulmana, cerca de 350.000 pessoas. Estima-se que 10-20 % deles são rohingya do Estado de Rakhine, mas a maioria é de origem indiana, birmanesa ou mesmo de etnia chinesa.

Muitos rohingya que moram em Yangon hoje fugiram para lá em busca de segurança. Alguns destes ainda têm familiares que moram no estado de Rakhine, onde um conflito de décadas levou à perda de direitos básicos e à violência generalizada contra estes cidadãos. As famílias de outros rohingya em Yangon se espalharam, tornando-se refugiados em todo o mundo e em grande proporção no país vizinho Bangladesh. Viajar para ver os membros de suas famílias nem sempre é possível. “Eu não vejo minha mãe há mais de 20 anos. Tenho saudades dela”, um homem rohingya contou recentemente a um amigo. Preconceito, discriminação e perseguição, entretanto, não se limitam aos rohingya, mas se estendem aos muçulmanos de outras origens também.

Não há crentes conhecidos entre os rohingya, e nem entre outros grupos muçulmanos em Rangum. O esforço de obreiros internacionais ou locais para alcançar os muçulmanos de Myanmar é pouco expressivo ou não existe. Pessoas dentro da igreja birmanesa têm feito comentários como “Jesus não morreu pelo povo rohingya” e sentimentos negativos sobre os muçulmanos estão presentes entre muitos.

Como podemos orar?

  • A situação dos muçulmanos em Yangon parece sem esperança, mas sabemos que “o Senhor é um abrigo para os oprimidos, um refúgio em tempos de aflição” (Salmo 9:9).
  • Ore para que os muçulmanos que anseiam pela verdadeira paz e reconciliação possam encontrar a verdade e a beleza de Jesus. (Romanos 15:13)
  • Ore para que Deus dê às igrejas locais de língua birmanesa um coração para seus vizinhos muçulmanos. (1 João 2:3-6)

Leia Também

30 Dias App

Acompanhe o 30 Dias através de nosso aplicativo móvel gratúito!

Juntos Iremos Mais Longe

Com a sua ajuda, podemos garantir que este material alcance um maior número de pessoas

Copyright © 2021 30 Dias. Todos os direitos reservados

30 Dias  é um Movimento Global de Oração
No Brasil é coordenado por Jovens Com Uma Missão

Copyright © 2021 30 Dias.
Todos os direitos reservados

30 Dias  é um
Movimento Global de Oração
No Brasil é coordenado por
  Jovens Com Uma Missão